Pesquisar
Close this search box.

O que fazer no Vale do Douro em Portugal? Roteiro de 4 dias

O que fazer no Vale do Douro em Portugal? Roteiro de 4 dias

O Vale do Douro, região vinícola mais famosa de Portugal, fica localizado no norte do país, e os vinhedos se esparramam entre as duas margens do famoso rio Douro. Trata-se de uma região com paisagens incríveis, uma gastronomia impecável, vinhos deliciosos e perfeita para um passeio diferente e tranquilo.

Trata-se de uma região de Portugal menos agitada, mas completamente encantadora. É nessa região que são cultivadas as uvas que dão origem a famosos vinhos portugueses, dentre eles o tradicionalíssimo vinho do Porto. Nós passamos 4 dias no vale do Douro e vamos contar tudo pra vocês.

Nesse post você vai encontrar informações de como chegar e onde hospedar na região do Douro, quando visitar o Douro, os restaurantes imperdíveis, além de um roteiro completo de 4 dias por lá.

Você pode ir direito ao ponto que deseja, é só clicar em:

Como chegar no Vale do Douro?

O Vale do rio Douro está localizado na região Norte de Portugal, a cerca de 315 km de distância de Lisboa e 100 km da cidade do Porto. O aeroporto mais próximo é o que está localizado na cidade do Porto.

De Porto ao Vale do Douro

A cidade do Porto é uma das portas de entrada de muitos turistas que visitam o Vale do Douro por abrigar um aeroporto internacional. Localizada a cerca de 100 km das principais cidades no entorno do Douro, a dica é alugar um carro no Porto e seguir para essa região. Em cerca de 2 horas o trajeto é percorrido em uma estrada boa e tranquila.

De Lisboa ao Vale do Douro

Lisboa é a porta de entrada da maioria dos turistas que chegam em Portugal, e, dessa forma, é ponto de partida para aqueles que querem conhecer o Douro. Nós alugamos um carro pela RENTCARS e pegamos o mesmo no aeroporto.

O trajeto até o Vale do Douro desde Lisboa dura cerca de 4 horas, em uma estrada excelente. Caso seja do interesse, uma dica é fazer uma parada estratégica no meio do caminho e conhecer alguma cidade ou restaurante.

Como viajamos com criança gostamos sempre de fazer pausas para a viagem ser menos cansativa. Na ida, escolhemos conhecer o Santuário de Fátima que é incrível! Para almoço em Fátima fomos conhecer o tradicional e estrelado Tia Alice. Arrisco dizer que se trata de um dos melhores restaurantes de Portugal. O bacalhau acompanhado de camarão gratinado é de comer rezando.

Santuário de Fátima
Santuário de Fátima em Portugal

No nosso retorno do Douro para Lisboa, optamos por provar o famoso leitão produzido na região da Mealhada em Portugal. O escolhido foi o delicioso Pedro dos Leitões. Recomendo!

Como se deslocar no Douro?

Na minha opinião a melhor forma de se deslocar pelo Vale do Douro é utilizando o carro. Como as distâncias a serem percorridas são pequenas e as estradas em geral são boas e seguras, de carro você tem maior flexibilidade para se locomover além de aproveitar a viagem admirando as belas paisagens pelo caminho, fazendo um roteiro com mais conforto e tranquilidade. O transporte público na região é bem escasso, com poucas opções de trajetos e horários.

Para o aluguel de carros em Portugal, recomendamos o RENTCARS, que sempre tem boas opções de preço e conta com as maiores franquias de aluguel do carro do mundo. Outra dica para o aluguel de carros é que seja feito com antecedência, principalmente se a viagem for no verão, para evitar preços muito elevados na locação.

Onde hospedar no Vale do Douro?

A melhor região para hospedagem no Vale do Douro é entre as cidades de Peso da Régua e Pinhão. Entre essas duas cidades estão localizadas as vinícolas mais famosas, os melhores restaurantes e há excelentes opções de hospedagem.

Nossa escolha

Como fizemos uma viagem em família, com três crianças entre 3 e 1 ano optamos por alugar uma casa, pois acho mais interessante em viagens com muitas pessoas. O apartamento que alugamos era sensacional.

O apartamento escolhido ficava na pequena cidade de Mesão Frio, localizada a cerca de 20 minutos de Peso da Régua. Mesão Frio é uma cidade pequena, com um centrinho bonitinho, mas nada demais.

A nossa hospedagem, chamada Vila Douro GuestHouse tinha acomodações confortáveis e espaçosas, mobília nova e bem cuidada, possuía uma piscina e uma vista do rio Douro espetacular. Caso queiram conhecer melhor é só clicar nesse link AQUI.

Outras opções de hospedagem no Vale do Douro

Como já falei, há várias cidades em que você pode se hospedar para conhecer a região do Douro. Além disso, uma opção incrível é se hospedar em algumas das famosas quintas onde são produzidos os deliciosos vinhos da região. Costumam ser hospedagens charmosíssimas, localizadas em belíssimas paisagens!

Segue algumas dicas de acordo com as cidades base:

Mesão Frio

Caso queira se hospedar em uma quinta em Mesão Frio, a dica é a Quinta de São Bernardo. Há também opções de casas/apartamentos super bacanas, como a Casa Miradouro e a Casa da Oliveira.

Peso da Régua

Em Peso da Régua tem algumas opções interessantes de casas, como a Casa Qta Sta Cruz Régua, a Casa do Romezal além do Hotel Columbano.

Pinhão

Próximo a Pinhão, tem a opção de se hospedar na deliciosa Quinta Nova Winery House – Relais & Châteaux, The Vintage House Douro ou a Quinta de La Rosa.

Lamego

Próximo a Lamego existem várias opções incríveis. Caso você possa investir eu recomendo fortemente que se hospedem no fantástico Six Senses Douro Valley. Não pude me hospedar lá mas fomos almoçar um dia e já deu pra sentir um pouquinho do luxo e atendimento incríveis do hotel.

Six Senses Douro Valley
Vista do Six Senses Douro Valley

Outras duas opções muito interessantes próximas a Lamego são a Quinta da Pacheca (vinícola deliciosa) e o Hotel Vila Galé Collection Douro.

Para mais opções de hotéis ou até mesmo casas e apartamentos para alugar em Portugal em geral é só acessar o Booking.com. A plataforma mostra vários tipos de hotéis, com fotos, avaliações dos hóspedes e valores e achamos a melhor ferramenta para se pesquisar hospedagens.

Onde comer no Vale do Douro?

A região do Vale do Douro é muito famosa por sua gastronomia, e vou dar algumas dicas incríveis de restaurantes que visitamos por lá:

Cozinha da Clara

Ótima opção de restaurante localizado em Pinhão. O Cozinha da Clara fica às margens do rio Douro, mais precisamente na Quinta de La Rosa. O atendimento foi muito bom e os pratos deliciosos. Por lá você encontrará opções da culinária mediterrânea, européia e portuguesa. É importante reservar com antecedência. As reservas podem ser feitas através do aplicativo do The Fork.

Cozinha da Clara
Vista do Douro no Cozinha da Clara

DOC

Esse restaurante é um luxo só! Localizado às margens do Douro, o DOC tem a cozinha chefiada pelo famoso Chef Rui Paula, é um espetáculo. O cenário é de tirar o fôlego, o atendimento é impecável a refeição uma verdadeira experiência! No menu você encontrará desde as mais tradicionais carnes, aos peixes e mariscos frescos, tudo bem elaborado e preparado! Faça a reserva com antecedência.

DOC Douro
Familia reunida no DOC

Restaurante Vale Abraão

Esse é o restaurante do badalado hotel Six Senses Douro Valley. Como eu queria muito conhecer o hotel, aproveitei para agendar um almoço no restaurante que é aberto a não hóspedes. Adorei o serviço, o ambiente e o menu. Um único ponto de atenção é que os pratos não são tão bem servidos quanto em outros restaurantes que fomos, mas estavam muito saborosos. O local é um charme a parte também! Faça reserva com antecedência nesse link AQUI.

Six Senses Douro Valley
Nosso bacalhau

Castas e Pratos

O restaurante Castas e Pratos é um restaurante Michellin que fica localizado em Peso da Régua. Apesar de ser estrelado, o custo-benefício é muito bom e vale a pena conhecer. Pratos bem servidos e deliciosos, com uma diversidade gastronômica que dá origem a pratos modernos e criativos, além de um atendimento impecável. Lembrem de fazer a reserva com antecedência nesse link AQUI.

Castas e Pratos - Douro
Nossa sobremesa no Castas e Pratos

Seguro de Viagens

Dica importante: O seguro de viagens não é obrigatório para viajar para a Europa. No entanto, acreditamos ser importantíssimo e recomendamos para todos os viajantes. Não deixe de fazer o seu seguro, pois ele pode ser muito útil no caso de algum acidente ou extravio de malas por exemplo. Nós sempre fazemos nosso seguro de viagem com este SITE, eles tem ótimos preços, são de confiança e quando precisamos usar tivemos atendimento por telefone em Português (mesmo fora do Brasil). É a melhor forma de se resguardar no caso de algum imprevisto. Confira as coberturas disponíveis para Portugal.

Quais as melhores vinícolas do Douro?

Quinta da Pacheca

A Quinta da Pacheca é um charme só! Localizada próxima a cidade de Lamego, a vinícola foi uma das pioneiras na produção dos vinhos do Douro. Você pode se hospedar por lá, fazer uma visita sem compromisso e visitar a lojinha ou até mesmo fazer uma visita com degustação! Nesse link AQUI tem algumas experiências que podem ser feita por lá! O ambiente é maravilhoso, os vinhos deliciosos e considero uma visita obrigatória para quem vai passear pela região do Douro.

Quinta da Pacheca
Pelas parreiras da Quinta da Pacheca

Quinta do Crasto

Essa é uma das vinícolas mais famosas da região do Douro, mas infelizmente não consegui conhecer pois quando fui reservar já estava tudo lotado! Ela fica localizada entre Peso da Régua e Pinhão. O lugar é lindo, os vinhos deliciosos e dizem que o almoço harmonizado vale muito a pena. Mais informações nesse link AQUI.

Quinta do Vallado

A Quinta do Vallado é uma das quintas mais famosas da região. Fica localizada em Peso da Régua, e apesar de não ser das mais bonitas que visitamos achei legal conhecer. Por lá fizemos a visita guiada e conhecemos um pouquinho da produção dos vinhos e depois fizemos uma degustação de 5 tipos de vinhos. A degustação é muito bacana para conhecermos os vinhos e decidirmos quais levar pra casa!

Quinta do Vallado
Degustação na Quinta do Vallado

Quinta São Bernardo

A Quinta São Bernardo não é muito conhecida, chegamos até ela por indicação de um primo, mas valeu muito a pena! Essa vinícola fica localizada em Mesão Frio, é menor do que as demais, mas é MUITO charmosa. Em frente ao Douro, vale a pena degustar um vinho admirando essa belíssima paisagem! O vinho rosê é uma delícia!

Quinta São Bernardo
Admirando o Douro na Quinta São Bernardo

Quinta do Bomfim

A Quinta do Bomfim fica localizada em Pinhão e é bem famosa na região do Douro. É super tradicional, e é cuidada pela mesma família há mais de 5 gerações. Vale uma visita na quinta ou até mesmo na lojinha para comprar alguns dos famosos vinhos que são produzidos por lá!

Chip de Celular

Dica importante: Nos dias de hoje viajar conectado é fundamental. Você pode usar aplicativos em tempo real, utilizar suas redes sociais, acessar o google maps, conferir aquela informação de algum ponto turístico e até mesmo fazer reserva para algum restaurante. Não viajamos mais sem um chip internacional. Para isso, sempre gostamos de comprar o nosso chip para usar no exterior ainda no Brasil. O nosso escolhido sempre é a EASYSIM4U. Clique AQUI e confira os planos que se adequam a sua viagem no site deles!

Roteiro de 4 dias pelo Douro

Primeiro dia:

  • Dirigir pelo trecho Peso da Régua e Pinhão (são cerca de 27 km com algumas das vistas mais bonitas da região do Douro);
  • Ir em direção a Quinta do Crasto– recomendo fazer uma degustação ou até mesmo apreciar um almoço com harmonização;
  • Caso almocem na Quinta do Crasto , sigam em direção a Pinhão e subam até o miradouro de Casal de Loivos (a 3 km de distância) para admirar a magnífica vista sobre o Vale do Douro; Caso não tenham almoçado na vinícola, minha sugestão é que conheçam o delicioso restaurante Cozinha da Clara.
  • Depois retornar ao centro de Pinhão e façam o Cruzeiro de 1h pelo Douro (sugestão de passeio nesse LINK);
  • Fechar o dia passeando por Pinhão. Caso tenham disposição, vale a pena uma visita na Quinta do Bomfim.

 Segundo dia:

  • Seguir rumo ao Norte para conhecer o famoso Palácio de Mateus. Este bonito palácio do século XVIII, destaca-se pelo seu estilo barroco e pela beleza dos seus jardins, lagos e vinhas. Vale a pena conhecer este monumento português e conhecer também a sua adega e capela.
Casa de Mateus
Parreiras na Casa de Mateus
  • Voltar para almoçar no badalado DOC. Esse foi meu restaurante preferido no Douro!
  • No final do dia, escolham alguma aldeia fofa para passear. Sugestão: Trevões e Barcos. Visitar essas aldeias é sentir que o tempo parou e a tranquilidade

Terceiro dia:

  • Conhecer a cidade de Lamego. Em Lamego visitar:
    • Santuário de Nossa Senhora dos Remédios
    • Sé Catedral de Lamego
    • Castelo de Lamego
    • Igreja das Chagas
    • Igreja e Convento de Santa Cruz
Lamego
Na charmosa Lamego
  • Para o almoço recomendo que conheçam o restaurante do badalado Hotel Six Senses Douro Valley . O local tem uma beleza incrível!
  • Depois sigam em direção à deliciosa Quinta da Pacheca e aproveitem o fim de tarde nesse local charmoso e agradabilíssimo!

Quarto dia:

  • Começar o dia visitando a Quinta do Vallado em Peso da Régua. Depois, aproveitem para passear um pouquinho pela cidade.
  • Para o almoço minha sugestão é que conheçam o restaurante Castas e Pratos em Peso da Régua;
  • Aproveitem o fim de tarde na deliciosa Quinta São Bernardo em Mesão Frio.

Roteiro Personalizado

Você sabia que o Me Leva Mundo é especializado em elaborar roteiros personalizados? Exatamente! Temos experiência na elaboração de vários roteiros personalizados, e caso queira tornar a sua viagem uma experiência única, com o passo a passo do que fazer, como se deslocar por Portugal e onde se hospedar em Portugal é só entrar em contato com a gente através do [email protected] ou do nosso Instagram @melevamundo.

Gostaram do post? Comente aqui ou no nosso Instagram e não deixe de acompanhar nossas viagens em tempo real através do @melevamundo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mídias
Depoimentos
Newsletter

Assine nossa newsletter e receba as dicas do Me Leva Mundo por email! Cadastre-se já!

Somos Manu e Rafa, duas amigas que adoram viajar e finalmente tiraram do papel a ideia de compartilhar suas experiências.